SISTEMA PONTO A PONTO

O Sistema Ponto a Ponto é um projeto do Governo do Estado de São Paulo, sob responsabilidade da ARTESP (Agência Reguladora de Transporte do Estado) para a cobrança do pedágio de forma eletrônica, por trecho percorrido, em vigor desde 2012. O veículo deve possuir em seu parabrisa, um Tag RFID (Transponder de Identificação Veicular) na frequência 915 Mhz de uma das operadoras de arrecadação autorizadas e é identificado ao passar pelos pórticos instalados nas rodovias,devidamente equipados com leitores RFID e protocolo ARTEFATO. Através da parceria firmada entre o Governo Estadual e o Governo Federal para interoperabilidade das rodovias, o protocolo IAV DENATRAN G0 (SINIAV) também é requerido. O sistema melhora as condições operacionais das autopistas, evita congestionamentos, diminui o consumo de combustível e a emissão de gases poluentes na atmosfera, economiza tempo e dinheiro, aumenta a eficiência do tráfego e a segurança rodoviária.

São 6,4 mil quilômetros de rodovias concedidas paulistas, com 395 postos, das quais 280 com 12.837 vagas de estacionamento para caminhoneiros, 6 pátios de descanso administrados pelas concessionárias, com atendimento de emergência (borracharia, auto elétrico e valeta para troca de óleo). Os sistemas de abastecimento de alguns postos, estacionamentos e demais serviços já estão integrados com o do pedágio. Empresas se beneficiam gerenciando automaticamente sua frota, controlando os gastos, evitando desvios e adulteração de informações, gerando conforto e segurança. O mesmo ocorre com demais postos de combustíveis em centros urbanos, estacionamentos dos shoppings e dos aeroportos. Os Sistemas Ponto a Ponto, Siniav e o Projeto Brasil ID compartilham a mesma infraestrutura RFID instalada.


  • Localização

  • Avenida Antártico, 381, 14°andar
  • São Bernardo do Campo, São Paulo - SP
  • CEP: 09726-150