Blog

Tecnologia RFID ajuda a eliminar falsificações no setor da saúde

A tecnologia RFID está cada vez mais presente nos negócios, sendo mais comum nas áreas de varejo e negócios.  

Uma reportagem realizada pela RFID World mostra como a tecnologia é capaz de evitar possíveis falsificações na área médica, confira!

A radiofrequência é a solução mais precisa, flexível e segura para autenticar mercadorias e evitar que falsificações potencialmente perigosas entrem em uma cadeia de suprimentos médicos.

Um simples erro de equipamento ou o uso de um componente em um dispositivo que não esteja autenticado pode trazer um alto risco ao paciente e responsabilidade total ao fabricante. 

Por conta disso, tais fabricantes de dispositivos investem recursos financeiros e operacionais consideráveis para garantir o desenvolvimento dos equipamentos médicos em conformidade com os regulamentos do setor.

É de vital importância que o equipamento médico também seja mantido e reparado com precisão. Substituição de peças e esterilização também devem ser realizadas para evitar possíveis avarias. 

A falta de manutenção de dispositivos médicos pode resultar em perda de receitas, mau funcionamento do equipamento e até em morte do paciente.

Como a tecnologia RFID evita a falsificação?

Com o avanço da tecnologia, análises mostram que o mercado está em crescimento contínuo. O mercado de RFID na área da saúde estará em crescimento até 2026. Para saber mais, clique aqui e leia o nosso artigo. 

Desde rastreamento de ativos até o uso de pulseiras RFID, a tecnologia RFID pode ser utilizada em quase todo o hospital. 

Um leitor RFID instalado em um dispositivo médico, por exemplo, identifica com segurança cada consumível e evita a operação do dispositivo se uma parte não for autêntica ou se a data de validade de um item tiver passado. 

Uma etiqueta RFID pode ser menor que um grão de arroz e suas informações garantem a autenticidade do produto.

Além disso, a tecnologia RFID pode ser usada para auxiliar na substituição oportuna de componentes do equipamento, como mangueiras, filtros ou outros consumíveis para evitar mau funcionamento. 

Quando a data de validade se aproxima, um sistema baseado em RFID pode gerar um alerta e quando atinge sua data de validade, o sistema para de funcionar automaticamente.

Outras aplicações do RFID na área da saúde

Como dissemos anteriormente, a tecnologia RFID pode ser utilizada em pulseiras de monitoramento. Uma tag implantada nas pulseiras pode comparar os respectivos dados de um bebê com o da mãe e dizer quando o mesmo saiu do berçário, por exemplo.

Outra aplicação é o monitoramento de medicações. Após o atendimento, o paciente receberá uma identificação com uma etiqueta inteligente e nela deverá ser cadastrado os medicamentos, para evitar possíveis doses a mais, além de exames que o mesmo deverá realizar.

A tecnologia RFID também poderá estar presente para controle de acesso em determinadas salas, além do controle de estoque de medicamentos nas farmácias.

Por que investir em RFID na área da saúde?

Após a leitura, vimos que o RFID pode estar presente em várias áreas do hospital, seja em rastreamento de ativos, maior controle sobre os pacientes, além de evitar falsificações e a utilização de equipamentos com algum dano.

O investimento em RFID para o seu hospital ou para a sua farmácia garante maior produtividade, evita possíveis erros, além de economizar com gastos desnecessários. 

A ACURA é uma empresa pioneira no mercado de RFID no Brasil e na América Latina e garante a você as melhores soluções. Entre em contato agora mesmo!

Fonte: https://rfidworld.ca/rfid-the-new-way-to-protect-revenue-streams-and-eliminate-counterfeits-in-the-healthcare-industry/3345

Tags: Artigos, Sistemas RFID, Saúde, Agosto, Blog Ano/2020, Sistema RFID


  • Localização

  • Avenida Antártico, 381, 14°andar
  • CEP: 09726-150 - Comercial / Engenharia / Expedição / Assistência Técnica
  • São Bernardo do Campo, São Paulo - SP